Skip to the content

Menu

Plantas e horticultura

A partir de 14 de dezembro de 2019, a nova legislação e as regulamentações da UE relativas à exigência de um passaporte fitossanitário entrarão em vigor. Se você estiver estabelecido no Reino Unido e precisar transferir plantas ou produtos vegetais para outras empresas na UE (inclusive dentro do Reino Unido) que possam abrigar pragas e doenças que exijam um período de quarentena, um passaporte fitossanitário poderá ser exigido.

Por que um passaporte fitossanitário?

Com um passaporte fitossanitário, você pode comprovar que as plantas atendem aos requisitos fitossanitários aplicáveis à UE. O passaporte pode ser quadrado ou retangular, e o layout apresenta alguns elementos obrigatórios.

Extensão da exigência de passaporte fitossanitário

A exigência de um passaporte fitossanitário se estende a todas as "plantas destinadas ao plantio". Segundo a definição da UE, trata-se de plantas que podem produzir outras plantas inteiras e que se destinam a esse fim. Essas plantas devem ser plantadas ou replantadas ou permanecer plantadas. Tudo o que agora chamamos de material de propagação está incluído (inclusive as sementes), e também todas as plantas "de consumo" destinadas a ambientes fechados, canteiros e jardineiras. Haverá exceções, como no caso de determinadas sementes e para a venda direta ao usuário final não comercial.

Qual é a aparência do novo passaporte fitossanitário?

O novo passaporte fitossanitário tem um layout fixo e deve ser aplicado à menor unidade de comercialização, como um vaso, uma bandeja ou uma caixa. As informações contidas no passaporte devem ser legíveis a olho nu. Você mesmo pode emitir passaportes fitossanitários, mas deverá ter a autorização do órgão governamental competente. 

 Um formato foi estabelecido com os seguintes elementos fixos:

No canto superior esquerdo: a bandeira da UE (colorida ou em preto e branco)

No canto superior direito: as palavras "Passaporte fitossanitário (em outro idioma oficial, se relevante) / Plant Passport"

A - Denominação botânica

B - Número de registro

C - Código de rastreabilidade

D - Código do país de origem

Como você pode confeccionar um passaporte fitossanitário?

Você pode optar por fazer a codificação diretamente no recipiente da planta utilizando uma impressora a jato de tinta ou pode imprimir o passaporte em uma etiqueta. A impressora a jato de tinta de caracteres pequenos Linx 8920/8940 pode imprimir de maneira fácil e rápida um passaporte fitossanitário com rastreabilidade total em qualquer vaso de planta. A Linx é especialista no campo de soluções de codificação e marcação. Podemos trabalhar com você para providenciar o passaporte fitossanitário para seu vaso, sua bandeja ou sua caixa de maneira simples e rápida, usando nossas máquinas e tecnologias.

"Para imprimir o novo passaporte fitossanitário, eu trabalho com a impressora a jato de tinta Linx 8920. Essa tinta aplica os dados corretos no momento do plantio em cada vaso individual".
Lambert Zwinkels, Pot Bar Nursery De Barreveld.

Solicite o contato de um de nossos representante de vendas